sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Baby's B



Hey, Brian
eles roubaram meu cachorro
e eu não pedi socorro
porque minha voz não tem vez
com eles
ou com vocês
E eu mudei de casa 
e lá não era um lar
forçada a ser adulta
da pior maneira que há
Tipo uma criança idiota
que é jogada na água
para aprender a nadar

Brian, essas linhas no meu corpo
são a cura momentânea
pra minha submissão instantânea
desde o tempo dos corvos
Eu sou o animal indefeso 
que alimenta o bando
Só mais uma femea 
Fico com o que vai sobrando

Eu não sei se espero por Deus
ou pelo Batman
Eu não sei se existe carma, Brian
Eu poderia arrancar seus dentes
fingindo que isso tambem não me deixa doente
mas eu não sei, mais uma vez, se devo me mover
ou ficar parada
quando eles decidem, assim, do nada
me corromper

PW





segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Sol na casa do caralho

Imagem de brain, art, and drawing


O miojo agora transborda
e eu penso nos cabelos heteros
e suas linguagens comuns
e minha casa em lugar nenhum
e cisnes
e Bee
abelhinha
se o consolo é de outro clã
o fundo do poço você alcançou
e os jovens, ah
die young
and
hold me
again
garotas que são o banco da família
menininhas com segredos que são crimes
quem faria justiça pelo passado?

O batman com sol em câncer.

P. Way

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Pussy in Áries

Imagem de sex, art, and couple



Foi inevitável não sentir o pau dele tão profundamente
Tudo arrepiou, dos pés à mente
Aquela boca também fodeu tão bem
Eu não quero o seu amor, baby, só o que convém

A calcinha perdida no quarto barato
Ele observava a mim de um jeito sutil
Juro que não me apaixono, esse é o trato
Take me again, I love cheap thrills

Ofegantes enquanto metia
Nada parecia impuro ali
No movimento rápido de foder, tu ainda sorria
O teu, o maior pau que eu já vi

Senti, inclusive sentei
Meti, fodi, trepei, gozei
Talvez agora não haja mais céu
se formos julgados, culpado teu pau, o grande réu

Minha boca sentiu teu gosto
Causou em mim um vicio que agora dói
Sou refém do que me for proposto
Um desejo que só me destrói

Mas também me ressuscita
quando você olha fixo, desejando seja lá o que
Sua presença já me excita
Esquece os passeios românticos, eu só quero foder.



Verso extra que não se encaixa no poema, pois há uma porcentagem significativa de sentimentalismo:

A tua boca na minha foi inicio de tudo isso
Eu não sei o que depois vai acontecer
A tua boca na minha foi o fim de tudo isso
Esqueci de lembrar como que é agora viver




Priscilla Way.






domingo, 8 de outubro de 2017

Eu não gosto de cerveja, você entende isso e me paga uma coca-cola OU esse texto não é sobre odio ao alcool, é mais profundo.



Alice era uma jovem mulher que não gostava de cerveja. Ou seja, nunca foi sucesso em um bar. Nem entre os grupos de pessoas que se encontravam em bares. Nem nunca foi marcada em foto de grupo de pessoas que se encontravam em bares. 
Talvez, um dia, foi vista e bem tratada por um rapaz com intenções confusas. Ela acreditou que ele fez bem por muito tempo. Compartilharam saliva, segredos, autodepreciações, prostitutas e uma grande tensão sexual. Foi bonito. 
Por ironia dos locais de encontro na cidade, sempre (às vezes) se viam em bares, onde, finalmente, as latinhas de coca-cola eram vendidas, já que a moça era a unica naquele tipo de recinto que saía de casa para envenenar-se com aquele maravilhoso e excitante copo de açúcar. Ele sempre pagava tudo. Um dia, tudo isso acabou. 
Alice ainda não entende muito bem o motivo e continua sufocando o sentimento restante com várias copos de coca-cola. Hoje, os bares são ainda mais sem graça. Eles brindam com cerveja tão rápido (porque a desgraça dessa bebida chega primeiro à mesa). Alice não brinda, só tenta esboçar sorrisos. 

Foge mentalmente para outras realidades sem precisar de álcool.

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Off


Resultado de imagem para mr robot preto e branco

Eu adoro quando você desliga o computador
E passa a ser o você que eu gosto
Que parece até que me pertence
Nesse momento, todas as angustias vão embora
E o seu sorriso é só meu
Só para mim
Não para aplicativos 
ou apelativos.

Eu adoro quando você desliga o computador.

Te amo off-line.

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Carnaval de finados

Imagem de strong, sad, and quote


Oi, amigo
Um ciclo fechado da sua morte comigo
Eu ainda sinto falta, sim
E começo a acreditar no que você achou ser melhor pra mim
Serão tristes carnavais daqui pra frente
Aqui jaz, então, eu e você, a gente
Haverão, no entanto, boas lembranças e particulares insultos
Teu pau, boca, um barzinho oculto
So sorry, fuck you, santo!

Não sei, talvez, te amo tanto.


PW.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

O ANO VAI VIRAR

Imagem de smoke, art, and sad

Viraremos mais um nas estatísticas
e ano que vem tem 12:34
e pessoas parecidas com as outras
e perfumes vindos dos ventos do outro lado cidade
Um lado da ponte deve cair, o outro, onde estou
Vai cada vez mais ficar firme
Eu prefiro cair com vocês
Ficar com vocês
Ficar
Com
Alguém
Vocês fazem correntes com as mãos para não caírem nem serem levados pelo vento
Eu me seguro na pontinha da camiseta de cada um
Tentando desviar dos tapinhas de afastamento
Daqui a pouco é outro ano
Fui ensinada a pensar que é um novo ciclo
Talvez seja o certo, a ilusão de que ano que vem tudo dará certo
Você vai se arrepender e falar comigo
Eu não acredito mais nisso
Não quero acreditar
Nada sera como antes
Eu não sei mais inventar novos futuros
Eu so queria deitar..
Aonde vocês estão indo?
Porque novos sorrisos?
Fiquem com o meu!
Somente
Solamente.

PW.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

SABBATH

Eu vejo calças marrons, que nem a dele
Eu penso em comprar, ser como ele
Ser artista, ter talento
Eu sinto inveja, é um tormento

( Não é maior do que eu sinto)
Eu discorro sobre ti todos os dias
Meu coração ta em 500 pedaços
Longe dos nossos laços
Querendo a tua androginia

(Eu não sei porque ainda sinto)
Tenho uma felina
A única que me conquistou
Eu tô ficando ferina
Acho que ela me ganhou

(E não me deixa parar de sentir)
São tantos nomes
Eu não esqueço de nenhum
Nem todos homens
Sem mal algum

O que importa é me importar
Ter essa sensação, a palpitar
Ser mais Priscilla, ela me disse
Eu sou você, tu é Alice.



PW.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Downlone

Tanta novidade que não é pra mim
Um grupo cheio de mensagens que eu não tô afim
Procuro um assunto do qual eu possa falar com eles
Posso estar por perto, mas não estou dentro deles.

PW.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Cheshire

Resultado de imagem para cheshire cat tim burton smile

Quase nos reduziu a poeira
Então o beijo foi levado à sua maneira
Cheshire, você nos invocou naquele instante
Foi lindo seu coração pulsante
Mas tudo oscila 
Com Alice ou Priscilla
E se a rainha vier?
Desvie das armadilhas
E encontre-me no país das maravilhas.



P. Way.