segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Alice IV


Inspirado no filme: "A pequena loja de suicidios"

Não gosto disso nem daquilo
por vezes,não gosto de mim
não sou legal nem tenho estilo
não sei mudar,eu sou assim.

Sou egoísta e sempre me contradigo
não sou inteligente e na mente,tenho inimigos
imagino prédios em chamas,e eu embaixo,olhando
vejo eles,vejo elas,vejo todos..queimando!

Prazer! eis o sangue que jorra dos braços
no clichê da banheira com água morna
ouvindo o silêncio,nenhum passo
a lâmina corta e a água afoga.

Na varanda,o vento bate do corpo todo
é gostosa essa sensação de quase voar
mas não me contendo com o "quase"
do 13º andar,eu vou pular.

Priscilla Way.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Livre.

                                                                        Imagem

Não. Não preciso. Não mais. Sou pequena,medrosa,ansiosa,mas sei o que quero,e isso eu não quero. Eu consigo. Pensei em mandar carta e falar sobre o tempo que fez falta,sobre o tempo que eu achava,sobre o tempo que eu me iludia. Agora não tenho mais vontade de nada disso. Crescer é bom. Dói,né. Mas o que não dói? Até o pingo da água fria da chuva dói. Eu sou frágil. E sou canceriana,isso resume meus defeitos. Eu corro por ruas escuras de segunda  à sexta,eu acordo com vontade de dormir,mas acordo. Eu não preciso de você. Mama,está errada.  

Priscilla Way.

sábado, 3 de agosto de 2013

(A)gosto do seu mau gosto.



COLUMBINE
Para você que tem planos e capacidade meu mais sincero Boa Sorte para sobreviver nessa cidade.

EVIL
Ela diz que é de Deus no recinto remunerado não fala palavrão e tem horror ao diabo mas soa hipócrita e vadia lá fora,no externo na verdade o que ela quer,é uma voltinha no inferno.

Way,P.