sábado, 28 de junho de 2014

Bilhete Nº1


Meu bem,
chega mais perto, se arrisca
Não se acomode,
vem e fica
Pois quando você passa m tempo a mais
Eu sinto uma mistura de tristeza
E de paz
Já que quanto mais o tempo passa
Eu temo não te ter  mais aqui em casa
Por isso te quero junto o tempo inteiro
365 dias,de Janeiro a Janeiro
Então eu quero ser
Aquele ônibus que tu pega
O projeto que você se entrega
Quero ser o que está na tua mão
Quero ser a única eterna dessa tua multidão.

Priscilla Way.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Da vida.





Vez ou outra eu desisto das coisas. Por vezes,nem começo,pois sei que não vou até o fim. Eu não sei o que eu daria,mas eu daria algo importante para voltar no tempo e ser eu aquele aborto. Ou ser aquela pessoa fácil de lidar. Nasceria em Abril,pra garantir certa força emocional, que meus arianos dizem ter . Eu só não abriria mão do meu amor ti,a não que você quisesse algo mais sadio. Por que não me deu nenhum sinal do amor que eu poderia te  dar antes? E olha que essa pergunta é para Deus, pro destino,pro responsável de tudo isso. Talvez seja eu mesma. Já tenho duas décadas. Minha vida crescente,meus apoios decrescentes. E descrentes.  Meu amor por ti dá um livro. Um rio. Um crime. Mas talvez eu abandone tudo isso – é impossível, é impossível – só para ver a tua paz matinal. Eu quero a tua paz. Eu quero a minha paz. Lembra da tua multidão e dos meus dedos tentando agarrar a tua mão? Fui pisoteada.  Estou no chão enquanto todos dançam o que querem. E eu só queria a tua mão, teu coração, tua alma, tua calma, tua paz que aqui jaz.

PW.

sexta-feira, 13 de junho de 2014

domingo, 1 de junho de 2014

[Seu nome aqui]


1. Teus "parabéns"
nada mais são 
do que ilusão
O que tu deve ouvir
e obedecer
é deixar alguem dizer
"meus pêsames"
quando assunto for você.


2.Não sou Deus
Nem quero ser
Mas seria interessante
Ao menos por uns instantes
Ver você






Morrer.


PW.